Home | 15 Anos | Ano Novo | Vovó Apresenta | Beleza | Dicas | Festas | Formaturas | Natal | Noivas | Receitas | Recém Casados | Reveillon | Vovó Responde

Massas veja as dicas

set 10

Massas veja as dicas. Segredinho da vovó massas, além de saborosas, são muito versáteis. Dependendo do molho para massa ou do acompanhamento, podem se transformar em um prato sofisticado.

Massa fresca ou massa seca?

O preparo do prato influencia diretamente no tipo da massa a ser escolhida. Hoje no mercado existem uma infinidade de tipos que podem ser:

Massas secas

As massas secas são as que possuem maior variedade de tipos e formatos. Além disso, possuem prazo de validade mais longo, são mais baratas e fáceis de preparar.

Em geral, as massas secas são elaboradas apenas com farinha e água, porém é possível encontrá-las também com ovos.

A massa seca a base de sêmola é feita com uma farinha de trigo mais nobre, por isso pode ter um preço um pouco mais elevado. Existe também a versão integral, feita com farinha de trigo integral, com mais fibras e nutrientes; as massas feitas com vegetais, como beterraba, cenoura e espinafre, que são coloridas; e as massas grano duro que ficam naturalmente “al dente”após o cozimento.

Massas frescas

A massa fresca é feita com ovos e farinha de trigo. Em geral, elas são elaboradas com a semolina do trigo, que é uma farinha mais nobre, garantindo uma consistência mais macia e leve. Quando industrializadas, essas massas passam por um processo de laminação e cozimento, antes de serem secas e ficarem prontas para o consumo. Elas são comercializadas apenas sob refrigeração e podem ser recheadas ou não.

Massas instantâneas

As massas instantâneas são consideradas menos saudáveis, pois levam óleo na sua composição. Durante o processo de industrialização, a massa instantânea é cozida e posteriormente frita para a retirada da água. A vantagem é a rapidez no preparo.

Massas pré-cozidas

Outro tipo de massa de cozimento rápido é a massa pré-cozida. Esse tipo de massa passa pelo cozimento a vapor antes de ser secada. Em geral, é utilizada para lasanhas e massas curtas, como o ravióli e o rigatoni.

Cozimento perfeito

Para cozinhar o macarrão perfeito, utilize uma panela grande que seja capaz de cobrir todo o macarrão com a água. Acrescente sal na água para impedir que o macarrão fique pegajoso e ainda ganhe um gostinho. Nada de acrescentar azeite ou óleo.

A massa deve ser colocada para cozinhar apenas quando a água estiver fervendo e é importante ficar mexendo na água para que a massa não grude.

A escolha do molho ideal

Tomates frescos, azeite, alho e manjericão. Pronto! Aí estão os ingredientes mais simples de um molho para massas delicioso e fácil de fazer. Mas para quem quer incrementar a receita com inspirações vindas diretamente da Itália, seguem alguns toques!

Ragu

Este molho tem origem italiana e é feito a base de carne e tomate. Sua característica principal é o cozimento lento, que chega a demorar até três horas e leva em sua composição bacon, fraldinha moída, lombo moído, feijão cozido e massa de tomate.

Pesto

Pesto vem de “pestare” que em italiano significa “triturar”. A ideia desse molho, portanto, é amassar todos os ingredientes até chegarem a consistência de molho.

A receita original, no entanto, leva manjericão, alho, azeite, parmesão e pinoli e surgiu na cidade de Gênova na Itália. É possível substituir o manjericão por rúcula ou agrião e o pinoli também pode ser substituído por nozes ou até semente de girassol.

Carbonara

Originalmente o carbonara é feito a base de pancetta moída, queijo pecorino romano, alho, azeite e ovo. Para prepará-lo basta fritar a pancetta no alho e no azeite, acrescentar o queijo e antes de servir incluir o ovo.

Congelando massas.

Para evitar que ela fique ressecada, quando congeladas prontas e com molho, faça da seguinte forma:

Cozinhe a massa al dente (pois com o descongelamento e aquecimento, a tendência é que amoleça mais), misture com o molho, reservando uma certa quantidade dele, para o processo. No recipiente, onde será feito o congelamento, coloque um pouco do molho reservado, que será utilizado na confecção do prato e congele um pouco deste, sozinho.

Assim que estiver bem congelado, coloque a massa sobre ele, normalmente. Regue com mais molho e leve para congelar, aberto.
Depois de bem durinho, feche, date e pronto.

Resultado: Quando o prato for descongelado e aquecido,o molho ficará líquido, umidecendo a massa, evitando o ressecamento.
Funciona com qualquer massa.

Fonte https://www.superbomsupermercado.com.br/

Comentários

comentarios

Deixe seu comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Home | 15 Anos | Ano Novo | Vovó Apresenta | Beleza | Dicas | Festas | Formaturas | Natal | Noivas | Receitas | Recém Casados | Reveillon | Vovó Responde